1
Maratona do Gerês ou correr numa tela de outono

ss

E porque não há uma sem duas, aí vamos nós de requitó até ao Gerês descobrir a beleza de correr num dos mais perfeitos cenários naturais do país. O desafio, desta vez, é a Gerês Marathon, que entra dia 29 de novembro na sua segunda edição a sonhar dobrar os participantes da primeira.

Idealizada pelo ultramaratonista Carlos Sá, num daqueles que são os seus quintais de treino, a Maratona do Gerês propõe toda a magia da montanha, mas em estrada. Quando foi lançada, foi apelidada de maratona de estrada mais dura do mundo, pelo desnível que propõe aos atletas: mais de 1300 metros positivos, compensados por outros tantos negativos.

“Escolhemos esta data porque é a altura do ano em que o Gerês está pintado de outono”, diz-nos Carlos Sá. E correr numa paleta é, garante, uma das razões pela qual o esforço se dilui. A outra é o facto de que tudo o que sobe desce, ora bem, e que a descer todos os santos ajudam (e tomem lá dois lugares comuns numa única frase…). “É uma maratona cujo desnível positivo é enorme, mas depois o negativo acaba por compensar e os tempos – toda a gente ficou admirada com os tempos que fez, até eu próprio, ao ver dois colegas conseguirem correr abaixo das três horas – são absolutamente fantásticos. O último fez menos de 7 horas, o que mostra bem que o desnível negativo ajuda muito a compensar o grande esforço do desnível positivo”, diz o atleta, tentando convencer-nos. Mas a verdade é que admite, também, que “é uma maratona bastante extrema, bastante dura”.

Outra mais valia da prova é “conseguir apanhar dois públicos: atletas de estrada e atletas de trail”, conta o organizador. O objetivo, este ano, é chegar aos dois mil atletas nas quatro provas propostas – há os 42 km, mas também 8 km, 13 km e 21 km. Na distância rainha, a meta aponta para 400 corredores. O JN Running estará entre eles. Pelo menos na partida, na Vila do Gerês.

(Fotos Laureano Freixo)

1 comentário

Leave a Reply

Faça login para comentar

  • Madalena da Costa

    18.11.2015

    Desde quando tomo piperine fore também sou capaz de correr uma maratona, pois a minha condição física melhorou bastante ;)