“Da Torre à Torre”, os 107km alternativos ao Oh Meu Deus

cbrtrail3696

Foi mais uma das aventuras alternativas do Clube Coimbra Trail Running. Desta feita, aproveitando a data da (por enquanto) prova mais longa de Portugal e o local onde decorre (a Serra da estrela), o grupo decidiu ligar a Torre que simboliza Coimbra – a da Universidade – com a Torre que simboliza o ponto mais alto de Portugal Continental, na serra.
Cerca de 20 atletas arrancaram assim às 19h30 de sexta-feira, dia 5 de Junho, da torre da Universidade de Coimbra, poucas horas antes de os atletas do Oh Meu Deus (a tal prova mais longa, cem milhas, 168 km), rumo à Estrela, quase sempre a correr por trilhos, num total de 107km.
Outros tantos elementos do Coimbra Trail Running foram engrossando a equipa ao longo do percurso, que passou por Vila Nova de Poiares, Góis, aldeia do Carratão, aldeia de Porto Castanheiro, parque eólico do Piódão e  Pedras Lavradas, até atingir, finalmente, a torre. Cortaram a “meta” às 14h30 de sábado.
cbrtrail3696
cbrtrail4696
O grupo manteve sempre um bom ritmo de corrida, muito por força da frescura dos elementos que iam entrando na aventura e das temperaturas agradáveis que se verificaram durante a noite. E, claro, do estímulo dado pelo magnífico nascer do sol e pelas paisagens deslumbrantes.
Apesar de nem todos terem conseguido completar o desafio – devido sobretudo à enorme dificuldade da última etapa (a ascensão à torre a partir das Pedras Lavradas) -, a maioria dos atletas correu mais de 60km! A aventura terminou com um almoço de convívio, que se prolongou pela tarde nas piscinas naturais da Loriga, onde os atletas aproveitaram para fazer uma boa sessão de crioterapia.
Enquanto isso, um dos mentores do Coimbra Trail Running mostrava o resultado do esforço do treino em equipa: concluiu o Oh Meu Deus em 23h18, conquistando o terceiro lugar da classificação geral.
cbrtrailohm696
0 comentários

Leave a Reply

Faça login para comentar