Sérgio, o ultra diabético

Corre com uma camisola com um enorme O bem no meio. Por baixo, a palavra diabetes. Na cara, o sorriso da conquista. Sérgio Moreira, 35 anos, é diabético desde os 31. Descobriu porque, sem razão nenhuma, emagreceu 11 kg. Mas não atirou a toalha ao chão. um dia um amigo disse-lhe a palavra correr, a ele que era mais futebol. Correr cansa. Hoje, faz corridas de três dígitos. Esteve na Madeira, há 15 dias. Com controlo total sobre a doença. Com ele, leva sempre a máquina de medição da glicémia e uns pacotinhos de açúcar, o apoio incansável de Marlene e a vigilância, à distância, do endocrinologista e da nutricionista. Um diabético pode fazer exercício? “Deve!”

 

0 comentários

Leave a Reply

Faça login para comentar