0
Sara corre pelo filho nos states

Há um ano, Sara Moreira cumpria o sonho de uma vida: ser mãe. Hoje, a atleta natural de Santo Tirso realiza outro, ao correr, pela primeira vez, na mítica maratona de Nova Iorque, nos Estados Unidos. A presença na prova tem uma fatura elevada: estar nos States, longe do filho Guilherme, que, ontem, completou o primeiro aniversário.

“Ele está bem, com os avós e padrinhos. Já lhe cantei os parabéns via Skype”, explica, ao JN, a corredora, que encara a ausência numa data tão especial como a circunstância, natural de uma carreira ao mais alto nível: “Quando recebi o convite, vi logo que a data coincidia com o aniversário. O importante é que o Guilherme esteja bem. Custa-me mais a mim. Ele, felizmente, ainda não tem tanta noção”.

Numa semana repleta de emoções, Sara Moreira oficializou a ligação ao Sporting e ambiciona uma estreia positiva em Nova Iorque. “Treinei muito e espero superar-me. Não podia recusar este desafio. Está tudo a ser diferente e novo, tanto ao nível dos ritmos como das distâncias. Estou a tornar-me numa atleta mais completa”, faz notar a campeã europeia dos 3000 metros em pista coberta, nos Europeus em Gotemburgo, na Suécia.

A atleta, de 28 anos, preparou-se durante dois meses, correndo cerca de 200 Km por semana e confessa o objetivo de terminar a prova com a marca de 2:27.00 horas: “Se me sentir bem, poderei arriscar um bocadinho mais nos últimos quilómetros. Vamos ver como corre, aqui está muito frio”, diz, entre sorrisos, até porque conta com a companhia do marido e treinador, Pedro Ribeiro.

Arnaldo Martins

0 comentários

Leave a Reply

Faça login para comentar