Professora corre até Fátima para ajudar alunos

corrida696

Ana Cristina Teixeira é professora de Biologia em Penafiel. E ultramaratonista. E uma mulher de fé. Arranca esta madrugada de sábado do Porto, a correr, para chegar a Fátima antes de o domingo acabar. Mas a expetativa dela não é a performance, o tempo, o desafio, a superação. A expetativa de Ana, para lá da fé pessoal que a move, é acordar as pessoas para a realidade por detrás das faces rosados dos alunos que ensina, na Escola Joaquim de Araújo.

Alguns vivem em condições de “pobreza extrema”, contou-nos há pouco. Ana quer poder ajudá-los com bolsas que os impeçam de abandonar a escola, que lhes permitam, até, prosseguir os estudos um pouco mais adiante. Por isso vai correr 215 km seguidos e pede a quem se sentir tocado que “doe quilómetros”.

A iniciativa a que pôs o nome de Corrida Peregrina vai já na segunda edição. Em Maio de 2012, noutra corrida a Fátima, conseguiu angariar 1700 euros entregues a alunos sem direito à bolsa da ação social escolar, sob a forma de óculos e próteses dentárias. Agora, com o apoio do Rotary Club de Penafiel e da Câmara de Penafiel, que têm divulgado a viagem, já tem na conta 1500 euros. Caberá aos rotários elaborar o perfil dos alunos mais necessitados. E quanto mais não seja, congratula-se por já ter posto “cabeças a pensar”.

Ana Cristina Teixeira, 48 anos e uma vida de atletismo já longa, treinou seguindo os conselhos de João Casal, o homem que correu a Volta à Portugal Solidária, no verão passado. Parte de Cedofeita às cinco da manhã. Ao contrário da primeira corrida, não vai pela Nacional 1, demasiado perigosa. Vai alargar a viagem e descer junto à costa, acompanhada pelo marido, Artur, em carro de apoio. Prevê nove paragens para se hidratar e eventualmente trocar de camisola, outras tantas para comer e uma para descansar “no máximo uma hora”. Em 2012, fez a Corrida Peregrina em 48 horas, com três horas de paragem. Recorda que retomar depois foi duro.

Ivete Carneiro

2 comentários

Leave a Reply

Faça login para comentar

  • Emanuel Durães

    11.10.2014

    Claro que aguenta a chuva nem nada impede a fé de ajudar, algo raro e esquecido…
    F O R Ç A C R I S T I N A…

  • josealbino chagas

    11.10.2014

    náo sei se vai aguentar? vem muita chuva no fim de semana..