0
Fernando Fernandes foi o melhor português na Spartathlon

IMG_0278-1.JPG

O italiano Ivan Cudin venceu hoje a mítica Spartathlon, na Grécia, com 22:29:29, quase hora e meia antes do segundo classificado, o alemão Florianópolis Réus. Fernando Fernandes, de 53 anos, foi o melhor português desta edição, com quase seis horas de diferença para Ivan Cudin.

A corrida nasceu em 1982, inspirada no feito de Pheidippides, o mensageiro enviado a Sparta, durante a batalha de Marathon, para pedir reforços contra a invasão persa. Terá chegado ao destino no dia seguinte. O piloto da força aérea americana John Foden, decidiu verificar a lenda e correu, com quatro amigos, os 245,3 km durante 36 horas. No ano seguinte, o percurso era oficial.

A prova inclui estrada, trilhos e a subida aos 1200 metros de altitude do monte Parthenio, durante a noite. Calcula-se que apenas um terço dos corredores que arranca chegam a cruzar a meta.

Este ano, arrancaram 359 participantes, quatro deles portugueses. Entre eles, João Oliveira, o vencedor de 2013 com 23:29:08 de corrida. Nesta edição, o atleta cruzou a meta em 34.o, com 30:52:41. (na foto a acompanhar a terceira mulher em prova, a espanhola Eva Esnaola)
Fernando Fernandes foi o primeiro português a chegar junto à estátua de Leonidas, ao cabo de 28:09:22, em 13.o. Em 2913 conseguirá terminar com 34:41:17.
Daniel Cardoso Dias foi o 27.o (curiosamente o número do dorsal que lhe foi atribuído, que aparece na foto de rosto deste artigo) com 29:49:17, menos 40 minutos do que no ano passado. Miguel Araújo foi o último português.

Ivete Carneiro

0 comentários

Leave a Reply

Faça login para comentar