1
Meia Maratona do Porto espera bater recorde

percursomeiamaratonasportzone696
É já no próximo dia 14 que milhares de atletas, profissionais e amadores, se vão juntar no Freixo para ouvir o tiro de partido para a Meia Maratona do Porto. À frente do pelotão seguem atletas com marcas abaixo da uma hora nos 21 km.

Bernard Kypiego, do Quénia, e Tubuja Mergersa Beyu, da Etiópia, personificam a esperança dos promotores na obtenção de um recorde que projete a prova internacionalmente, como já acontece com a Maratona do Porto. “Não trazemos nenhum recordista do mundo, mas vamos tentar bater mais uma vez o tempo da hora”, disse esta quarta-feira Jorge Teixeira, da Runporto, responsável pela organização da prova com a Sport Zone, na apresentação oficial do evento. E tentar bater o recorde, que está nos 0:59:30, conseguidos pelo etíope Zersenay Tadese, em 2011.

“Bater a hora significa que a meia maratona, que já é referência nacional, pode ser referência internacional”. Além de que recordes também trazem comunicação social, acredita Jorge Teixeira, lamentando a falta de espaço de que o atletismo “padece” na imprensa desportiva portuguesa, queixa a que se associou Bernardino Alves, da Associação de Atletismo do Porto, tembém presente.

A popularidade da corrida foi outro dos aspetos realçados na conferência de Imprensa convocada para a Casa da Música. A prová-lo está a evolução das inscrições. Em 2007, ano em que se estreou no Porto, a Meia Maratona contou 824 pessoas a cortar a meta. Em 2013, foram 4398. Este ano, os promotores acreditam que poderão ter mais, até porque os números de inscrições crescem a bom ritmo e verifica-se que são mais na corrida do que na caminhada associada ao evento, ao contrário do que acontecia. Até ontem de manhã, havia mais de cinco mil inscritos para os 21 km e mais de quatro mil para os 6 km da caminhada. “Esperamos ter 12 a 13 mil”, disse ontem Raquel Vasconcelos, da Sport Zone.

O dirigente da Runporto, promotora das grandes provas na cidade, diz sentir-se “responsável” por esse “boom” e só lamenta que “o atletismo de alta competição português não tenha acompanhado”. Jorge Teixeira deixou mesmo um apelo aos responsáveis, para que olhem para provas como esta meia maratona e sejam “olheiros” de jovens talentos.
Entre os grandes nomes nacionais, a prova conta com Dulce Félix, Leonor Carneiro, Doroteia Peixoto, Rui Pedro Silva, Ricardo Ribas, Luís Feiteira e Paulo Gomes.

A Meia Maratona do Porto Sport Zone que se segue já está agendada para 20 de setembro de 2015. As inscrições para a prova de dia 14 estão abertas até ao dia 7, nas lojas Sport Zone e no site oficial da prova  e custam 15 euros para a meia maratona e seis euros para a caminhada/mini maratona.

1 comentário

Leave a Reply

Faça login para comentar

  • Carlos Bastos

    3.9.2014

    TUDO BEM, MAS É LAMENTÁVEL QUE EU QUEIRA SAIR DE MINHA CASA E não POSSO POIS A POLICIA NÃO DEIXA,VOU TER QUE NA MANHÃ DESSE DIA NÃO SER LIVRE