0
Carlos Sá termina oitavo no Monte Branco

UTMB696

O ultramaratonista Carlos Sá cortou esta sábado a meta do Ultra Trail do Mont Blanc em oitava posição da geral (quarta do escalão), ao cabo de 22:50:07 de corrida e 168,7 km de distância. Foi o primeiro português, seguido, no 12º lugar, de Nuno Silva, com 23:11:17. Ester Alves chegaria em 82ª posição da geral e 8ª feminina, com mais de 28 horas de prova, tornando-se a primeira portuguesa a entrar no top 10 do UTMB.

“Foi a prova possível feita com muita cabeça, depois da Badwater e apenas com duas semanas de treino…”, escreveu o ultramaratonista na sua página de Facebook, pouco depois da chegada de Nuno Silva, com quem Carlos Sá fez mais de dois terços da prova. Antes de participar na Badwater, (217 km em estrada no Vale da Morte, na Califórnia), o atleta tinha como meta bater o seu recorde no Monte Branco. Acabou por fazer mais dois minutos do que em 2011, ano em que terminou 5º classificado. Em 2012, numa prova encurtada, Sá subiria ao 4º lugar.

Carlos Sá, Nuno Silva e Ester Alves são apenas três dos cem portugueses inscritos naquela que é considerada a meca do trail mundial. O Ultra Trail du Mont Blanc incluiu cinco provas diferentes, todas com representantes nacionais. A prova maior, o UTMB, de 168 km e 9600 metros de ganho de elevação (D+, desnível positivo), listava 27 portugueses inscritos. O CCC, com 100 km de distância e 6100m D+, contava com 37, enquanto o TDS (119 km, 7250m D+) tinha 28 e o OCC (53 km e 3300m D+) seis. A prova de equipas PTL (295 km com 26 500 m D+ a cumprir no máximo em 142 horas) contou com dois portugueses.

Foram 23 os portugueses a concluir o CCC (com 1423 participantes), com destaque para o oitavo lugar conquistado por André Castro, o segundo português a entrar num top 10 das provas do Monte Branco, além de Sá. Destaque ainda para Natércia Silvestre, 114ª classificada, 11ª em 183 mulheres e 9ª do escalão sénior.

A prova TDS foi concluída por 22 portugueses num total de 1076 atletas. Lourens Naudé é o primeiro da lista, em 34º lugar. E cinco portugueses terminaram o OCC. No UTMB cortaram a meta 23 portugueses.

A participação de portugueses no Ultra Trail du Mont Blanc tem evoluído exponencialmente de ano para ano. A prova maior estreou-se em 2003, mas só em 2004 teve o primeiro finisher nacional, Hélder Ferreira, único português no rol. Em 2009, terminaram dez portugueses, além dos seis das provas paralelas que entretanto foram criadas). No ano seguinte, seriam 22 a chegar às diversas metas. Em 2013, Portugal contou com 42 finishers, 29 deles na prova de 168 km.

IC

0 comentários

Leave a Reply

Faça login para comentar